1 comentário:
De GM a 5 de Setembro de 2007 às 12:46
Deixei de fumar em Agosto de 2006. Durou até ao dia em que fumei "só um" depois de um café, em Dezembro de 2006. Voltei a largar o vício depois de a minha psique ter ganho com o argumento "vai ser este cigarro que vai provocar o cancro de te vai matar".

Tenho 29 anos e não quero fumar mais.

Perdi um pai para o cancro (deixara de fumar aos 40, morreu aos 51). Depois disso, participo num programa de investigação (como ex-fumador e filho de uma vitima de cancro do pulmão) com cães que detectam a possibilidade de desenvolver um cancro nas vias respiratórias. Em 7 cães, 5 detectaram a possibilidade de eu poder vir a contrair o 'bicho'...

Não quero fumar mais... não vale a minha vida!

Comentar post